Nicolas Cage lidera bilheteria dos EUA pela 3ª semana com "A Lenda do Tesouro Perdido 2"

A nova aventura dos estúdios Disney, A Lenda do Tesouro Perdido 2 – Livro dos Segredos, pela terceira semana consecutiva manteve a primeira colocação nas bilheterias nos EUA. A primeira continuação da carreira de Nicolas Cage fez mais 20 milhões de dólares e o filme já soma no total espetaculares US$ 171 milhões, garantindo ao filme por enquanto a 12ª posição no ranking anual de 2007 nos EUA. A seqüência conta a estória das 18 páginas que faltam do diário de John Wilkes Booth (1838-1865), assassino de Abraham Lincoln.

A crítica especializada americana segue ajudando Juno, nova e elogiada comédia dramática do diretor Jason Reitman ( Obrigado por Fumar), a galgar posições no ranking dos EUA. O filme ampliou suas salas onde é exibido e atingiu 15,8 milhões de dólares e saldo total de US$ 51,6 milhões em 5 semanas de exibição por lá. Na trama, Juno McGuff (Ellen Page, a Kitty Pride de X-Men 3) é uma adolescente esperta que engravida depois de uma única relação com o seu melhor amigo (Michael Cera, de Superbad). Ela decide ter o bebê – e isso inclui crescer com todas as estranhezas de conviver com o casal que adotará a criança. Jennifer Garner e Jason Bateman interpretam o tal casal. A estréia acontece no Brasil, pela Paris Filmes, em 15 de fevereiro.

O outro blockbuster de fim-de-ano nos EUA, Eu Sou a Lenda, da Warner Bros., também manteve a terceira posição, arrecadando mais US$ 15,7 milhões no último fim-de-semana na América do Norte e com isso somando no total excelentes 228 milhões de dólares, que já colocam o filme na 6ª posição entre os mais vistos de 2007 nos EUA. Na estória, Robert Neville (Will Smith) é um brilhante cientista que não foi capaz de conter um terrível vírus incurável fabricado pelo homem, que transforma pessoas em mutantes. Porém, de alguma forma, Neville é imune ao vírus. Por isso, é também o último humano sobrevivente no que restou de Nova York e, talvez, do mundo. A estréia no Brasil será em 18 de janeiro.

Na quarta posição está outro sucesso do fim de ano que segue com ótimas bilheterias, e que estreou neste fim-de-semana no Brasil: Alvin e os Esquilos (Alvin and the Chipmunks), que custou 60 milhões de dólares, já passa dos US$ 176 milhões somente nos EUA. Baseado no desenho animado Os Pestinhas, o filme mostra como os esquilos Alvin, Simon e Theodore convencem um compositor a deixá-los morar em sua casa. Eles logo se tornam uma sensação como cantores, mas as coisas se complicam quando os esquilos se deslumbram com o estrelato e se rebelam contra Jason Lee, que os acolheu. Clique aqui e veja o post com o trailer do filme.

O grande fiasco de bilheteria desse final de ano nos EUA é sem dúvida Alien Vs Predador Requiem. Na sua segunda semana em cartaz, a continuação de Alien Vs. Predador (2004), dirigida pelos estreantes Irmãos Strauss, caiu da 6ª para a 11ª posição(!!!) e soma minguados US$ 37 milhões – valor medíocre para um blockbuster. A estréia no Brasil acontece sexta-feira próxima (11 de janeiro), e a 20th Century Fox torce para que a bilheteria no resto do mundo compense o fracasso até aqui nos EUA. Aliás, é exatamente isso que está acontecendo com A Bússola de Ouro, que nos Estados Unidos em cinco semanas de exibição arrecadou parcos US$ 65 milhões, mas que no restante do mundo já ostenta 195 milhões de dólares, totalizando 261 milhões de dólares em todo o mundo e fazendo com que cresça a probabilidade de se filmar a sequência da trilogia As Fronteiras do Universo – no caso, o episódio 2, A Faca Sutil.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: