Suspense estréia trazendo vários pontos de vista sobre atentado ao presidente dos EUA

Ponto de Vista
(Vantage Point)
(Ação/Suspense, 14 anos. EUA, 2008. Direção de Pete Travis. Com Dennis Quaid, Matthew Fox, Forrest Whitaker, Sigourney Weaver e William Hurt. Duração 01h30min.)

Este suspense de ação, que estréia neste final de semana em 137 salas de cinema em todo o Brasil distribuído pela Sony Pictures, aposta nas diversas versões sobre um mesmo fato – no caso, um atentado ao presidente dos EUA em território espanhol – para montar seu roteiro. A dupla de novatos formada pelo diretor Pete Travis e pelo roteirista Barry Levy até que teve uma boa idéia. Mas repetir 8 vezes a mesma cena – a do atentado em si – acabou ficando exagerado demais. Até conseguirem começar a ação propriamente dita do filme, eles ficam brincando com a boa vontade do espectador em um desnecessário e enfadonho vai-e-volta dos minutos que antecedem o discurso do presidente norte-americano (vivido por William Hurt) em uma cúpula sobre a guerra ao terror e o tiro que o acerta.

Amparados pela premissa de que mostrar a mesma cena por diferentes ângulos de visão poderia render um roteiro inteligente, diretor e roteirista acabam entregando ao público algumas pistas de quem pode estar por trás do atentado. Como diz o título, o filme mostra o fato através de diversos pontos de vista, embora nenhuma testemunha pareça ter algo de realmente novo para adicionar ou desmentir o que já se sabe, o que torna o filme repetitivo, cansativo, exaustivo e absolutamente chato.

A cada novo “reinício”, o filme vai se mostrando menos criativo do que ele próprio acredita ser. Temos aqui um enorme desperdício de elenco, que conta com Dennis Quaid, Matthew Fox, Forest Whitaker, Sigourney Weaver, Edgar Ramirez e William Hurt, entre outros. O diretor Travis claramente busca uma referência nos filmes da franquia Bourne, que revitalizaram o gênero. Mas o diretor aqui não tem o mesmo vigor de Paul Greengrass e patina num filme histérico que não cria muita polêmica, mesmo levando-se em conta que este é um ano de eleições presidenciais nos EUA. Em termos de bilheteria o filme é um sucesso: em pouco mais de 20 dias de exibição já arrecadou quase US$ 83 milhões em todo o mundo – já é o 5º filme mais visto no planeta em 2008.

Veja aqui o trailer do filme em Quick Time.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: